Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

De tudo um pouco. Cada manhã. Ao sair da pena, bem cedinho. Tudo me interessa.


02
Jan18

2017 foi o ano dos afectos

por Fátima Pinheiro

 

 

WIN_20160831_07_35_52_Pro.jpg

 

 

Marcelo é o homem do ano. Até para os do "eixo do mal", (se bem que com o nariz torcido de Daniel Oliveira). Nem é preciso dizer porquê. Ontem o Presidente falou ao país. Cada um ouve aquilo que quiser...

É preciso reinventar a confiança. Não nos afectos seguramente, esses estão garantidos. As palavras vão para o Governo e para todos nós, que nos construimos a construir o pedaço de País que nos coube.  E eu penso que os afectos são para reinventar.

Afecto sempre. Mas importa saber o que são os afectos. E aí o déficit é grande. Falo de mim. "Gosto" de ti? Dou-te o afecto que precisas, ou é apena a minha consciência tranquila? Preciso também de reinventar os afectos. E vão duas.

Mãos à obra. Agora. Não podemos adiar. 

É que o Ano que passou, "estranho e contraditório", foi também muito cheio e a exigir trabalho. Sim, o dia mantem-se com 24 horas. Uma coisa de caca vez. O trabalho está no patamar de saída, no arranque. Numa maratona inteligente. A cultura do afecto é um investimento gratuito que produz uma generosidade e efeitos afectuososos. Reinventar é palavra de ordem e , também, paradoxalmente, dom natural. Tem também a ver com os fogos. Não é o amor "fogo que arde sem se ver"? Um ano  "incrível", para Ronaldo. Sobral, Zé Pedro. E podia  continuar" pelos dois". 

Acredito num país que se possa reinventar? Que 2018 seja um ano incrível!  Cheio de chutos e pontapés, dos bons, sempre com os olhos no céu, e pés assentes, também no céu. "O passado foi lá atrás" e está aqui, à minha frente.

Autoria e outros dados (tags, etc)


4 comentários

Sem imagem de perfil

De Anonimo a 02.01.2018 às 21:15

Bom, a ultima vez que entrei nesta brincadeira (e a culpa foi minha) , perdi o emprego. Agora não tenho nenhum para perder...
Sem imagem de perfil

De Anonimo a 03.01.2018 às 19:04

Apenas quis transmitir uma ideia e, ou não entendeu bem ou não expressei bem o que queria dizer.
Imagem de perfil

De Fátima Pinheiro a 03.01.2018 às 19:06

não compreendi não, porque eu não ando a brincar

Comentar post



Mais sobre mim

foto do autor


Pesquisar

  Pesquisar no Blog


Arquivo

  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2017
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2016
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2015
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2014
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D


Links

imagens rasantes