Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

De tudo um pouco. Cada manhã. Ao sair da pena, bem cedinho. Tudo me interessa.


16
Out17

"Afrontam-me, logo existo!"

por Fátima Pinheiro

is (22).jpg

 

"Sexo, mentiras e escutas", ou "Sonho de uma Sombra" poderiam ter sido bom título para o novo livro de José Sócrates, lançado ontem, mas fez ele muito bem em dar-lhe outro título: sexo é coisa íntima e plagiar Píndaro (mesmo que seja ao contrário) não é boa ideia. Eu não fui ao lançamento porque Dan Brown, antes de seguir para Barcelona lançar o seu recente "Origem", parou ontem no CCB. Que saudades da Mona Lisa! Mas tenho aguentado bem (até já fiz um alisamento capilar). De vez enquando aparece uma. Nem de propósito, volto ao engenheiro que, embora eu pense que tem mais jeito para a fição insiste em dedicar-se ao ensaio filosófico ou político. Não fui mas vou hoje mesmo comprar e aqui voltarei. Mais, da varanda do meu mestrado português e da minha pós graduação americana - em Filosofia - virei comentar. Confesso que pouco sei do evento e do livro, apenas umas imagens noturnas na televisão. Mas como sou fiel a este meu Rasante, aqui estou. De onde vimos e para onde vamos? Desculpem, isto é a pergunta de Dan Brown, mas escrevo à pressa porque tenho que ir para o trabalho. Mas vamos ao engenheiro.

Por acaso o título de Brown aplica-se muito bem ao Politólogo da Covilhã. Mas hoje é só um cheirinho, não comento livros que não li, os livros são para ser lidos, e com a minha compra de hoje, até ajudo a quem vai comprar milhares. Compra só milhares menos um. Para quem vive de uma modesta pensão, já é alguma coisa!

O livro, pelo que ouvi do autor na televisão, trata de como devo estar preparada para quando me perguntarem de que rendimentos eu vivo, eu saiba responder. Estar preparada? Eu estou sempre. Ele é que, pelos vistos, teve de se  preparar e bem. Vitor estou contigo! Tu fizeste as perguntas, o Afrontado é que não respondeu. É aquela estratégia da defesa ser o ataque. E ele, não o esqueçamos, é especialista em marketing e em comunicação. 

De onde vens e para onde vais? Cognome já tem, Sócrates o Afrontado.  Tudo indica que assim ficará na história, com letra pequena. Vens nem sei de onde, olha, vens da barriga da tua mãe. Abençoada senhora, me perdoe de falar assim. No caminho tens amigos. Ontem estavam no lançamento no Porto cerca de 400. Não vi nenhuma cara conhecida. Mas é natural, temos amigos diferentes. Amigos a dizer e repetidamente, como nas campanhas para as eleições,  "Sócrates, estamos contigo". Vindo de amigos seria melhor dizer "José amigo". 
Ai, desculpa, enganei-me no título. Mas é que olho para ti e só vejo pensamento e cultura . E associo sempre Paris a Descartes. Mas esclarecerei o grande equívoco quando acabar de ler o livro. Vou já comprar, antes que esgote. 

Porque é que não nos pedes desculpa? A esperança é a última coisa a morrer. Eu espero numa coisa que parece impossível, mas é por isso que espero. Esperar no possivel não é esperar, é ter como certo. "O mal que deploramos".

Autoria e outros dados (tags, etc)



Mais sobre mim

foto do autor


Pesquisar

  Pesquisar no Blog


Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D


Links

imagens rasantes