Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

De tudo um pouco. Cada manhã. Ao sair da pena, bem cedinho. Tudo me interessa.


08
Mai17

Sou do tempo em que prefácios e apresentações de livros eram realmente isso. Tinham como objetivo dar em breves palavras uma pincelada sobre o livro, que era suposto conhecerem. Para além disso tinham também como objetivo suscitarem o interesse para o livro. Mas já era. O bom que se vai perdendo. A troco de quê?

Tenho lido tudo o que é livro sobre o Papa e Fátima. Ele está a chegar. Ontem peguei em mais um, li. O prefácio era de uma pessoa célebre. Até fiquei envergonhada! Quatro a cinco parágrafos que podiam servir em qualquer livro. Tipo chapa zero. Eles não estragam o livro, mas quase. O ponto a que chegamos.

Ainda nos admiramos que os livros tenha perdido o interesse. Umas coisas obsoletas. O livro, editoras, autores, cederam também a venderem gato por lebre. Até percebo. Eu também tenho que pagar as contas no fim de cada mês. Mas vamos cruzar os braços ou amá-los? Eu ainda acredito. Salve-se quem puder.

Autoria e outros dados (tags, etc)



Mais sobre mim

foto do autor


Pesquisar

  Pesquisar no Blog


Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D


Links

imagens rasantes