Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Rasante

De tudo um pouco. Cada manhã. Ao sair da pena, bem cedinho. Tudo me interessa.

Rasante

De tudo um pouco. Cada manhã. Ao sair da pena, bem cedinho. Tudo me interessa.

10
Dez16

Frei Bento Domingues e eu, faz hoje 4 anos

Fátima Pinheiro

 

 

jesus-de-nazarc3a9-o-burro-e-a-vaca.jpg

 

O burro, a vaca e Frei Bento Domingues.

Todos temos preconceitos. Eu, por exemplo, antes de conhecer uma pessoa faço uma ideia dela. Favorável ou não. Outra coisa é essa pessoa acontecer-me... E depois se acontece é uma amizade, ou não. Para isso existe uma coisa chamada tempo. E as pessoas são muitas, e o tempo é pouco. O que quer dizer que é para ser assim. Não vale a pena criar macacos no sotão. E só tenho que tomar conta dos “meus” ( mas este universo é…lá volto ao princípio), dos que me foram entregues (mas depois há os que estão para me ser entregues, e eu finjo que não reparo). E há as preferências. E detesto quando se diz “já não quero conhecer mais ninguém”; é como se eu dissesse que quero parar que a vida me continue a acontecer. Isto por causa do título. Eu – que sou uma incorrigível filósofa e queque de direita – só podia não esperar nada do bem amado teólogo de esquerda que, não sendo um teólogo de sistema acaba por fazer uma teologia de crónicas, aos domingos.

Frei Bento de Domingues, que hoje recebe uma homenagem, na Universidade Lusófona. Noutro dia falaram-me dele. Curioso que na crónica de ontem ele cita o texto da imagem que pus acima, neste post. E até põe aspas: “Nenhuma representação do presépio prescindirá do boi e do jumento”. E alargou o debate. Fixar-me no essencial. Fazer aquilo que nunca foi feito. Maria escolheu a melhor parte. A ver se ando. Hoje, pelo menos. O que é essencial no Cristianismo? A mensagem não, porque ela é de todas as éticas, morais e por aí: igualdade, liberdade, fraternidade. Um filósofo russo, do início do século XX, dizia que o essencial do Cristianismo era a pessoa de Cristo e tudo o que dele provém. Pois eu quero que Ele me continue a acontecer, não como imaginei, não uma ideia dele. Ele mesmo, com o burro e a vaca.

Exortai-vos cada dia uns aos outros, até ao dia que se chama «Hoje» (Hebr 3, 13). Exortai-vos cada dia uns aos outros, até ao dia que se chama «Hoje» (Hebr 3, 13).

Mais sobre mim

foto do autor

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Pesquisar

Exortai-vos cada dia uns aos outros, até ao dia que se chama «Hoje» (Hebr 3, 13).

Links

imagens rasantes

Arquivo

    1. 2018
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2017
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2016
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2015
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2014
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D