Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Exortai-vos cada dia uns aos outros, até ao dia que se chama «Hoje» (Hebr 3, 13). Renovai-vos pela transformação espiritual da vossa inteligência e revesti-vos do homem novo (Ef 4, 23-24).

Rasante

De tudo um pouco. Cada manhã. Ao sair da pena, bem cedinho. Tudo me interessa.

Rasante

De tudo um pouco. Cada manhã. Ao sair da pena, bem cedinho. Tudo me interessa.

29
Abr18

O marxismo segundo José Mihazes


Fátima Pinheiro

 

tertulia Ze.jpg

José Milhazes, ontem em Liisboa

 

Apesar de ter dogmas, o marxismo não é uma doutrina mas uma ideologia. Não seria isto novidade, se não fosse o ter sido dito e explicado ontem à noite por José Milhazes, numa tertúlia com participantes de todas as idades, organizada por uma associação com responsabilidades na área da educação. O encontro terminou com um momento musical, com cânticos da liturgia ortodoxa, como se pode ver na fotografia. Pediram-lhe para falar de marxismo. E assim foi.

O homem que um dia quis ser padre, prega agora a sua experiência de vida no pais dos sovietes  Admiro a sua frontalidade, saber e sentido de humor, que vai espalhando a quem, de Norte a sul, lhe pede para partilhar o que sabe. Acompanho-de perto, desde Moscovo, onde vivi quatro anos. Agora, de regresso a Portugal, tem uma agenda chela de conferências que dá em tudo o que é sítio, Universidades, escolas, bibliotecas, câmaras . Historiador e jornalista, leva uma vida simples, cheia de generosidade. Trabalha constantemente como é próprio de um intelectual.  Os livros, escreve-os como quem respira e aliam teoria e prática. Está sempre a escrever e a ler. Estou a ler o seu recente livro, "Lavrenti  Béria " (2018),  o Imler de Estaline, que recomendo.

Quanto à tertlúlia, a conversa abordou os temas escaldantes da política internacional. O marxismo como tema-mote, foi perspectivado enquanto marxismo-leninismo, marxismo-leninismo-estalinismo, na variedade das suas "concretizações" históricas. Num percurso que levou ao surgir dos neo-marxismos, os marxismos tipo light, como o do Bloco de esquerda. Um homem a seguir.

Exortai-vos cada dia uns aos outros, até ao dia que se chama «Hoje» (Hebr 3, 13). Exortai-vos cada dia uns aos outros, até ao dia que se chama «Hoje» (Hebr 3, 13).
28
Abr18

Koopma: a música em pessoa!


Fátima Pinheiro

koopman 2.jpg

Tom Koopman voltou à Gulbenkian. Eu também. Desta vez não conversamos. Não foi preciso. Umas notas sobre o concerto de ontem.

Mozart é alegria. Genialidade surpreendente na velocidade da contenção. Koopman numa batuta mestra desenrola rigorosamente as harmonias. Dá gosto olhar os seus gestos: controle total numa rendição rigorosa e maravilhada ao que acontece. Lembro o que me disse aqui. E para não estarmos a seco deixo este link, no qual ouvimos a sinfonia de ontem, numa outra perfomance deste homem mágico.

Chamo a atenção para a educação musical como passo decisivo da vida. Koopman não nasceu ensinado, nem a música e as artes são para meia dúzia de pinocas. A arte é mesmo para todos. "No meu tempo as crianças cantavam todos os dias. Quando entravam na escola, quando saiam da escola. Eu penso que é muito triste que isso não aconteça mais.", disse-me quando nos encontramos a primeira vez.

"A música é para todos", "Porque enriquece, porque pode enriquecer-nos. Com os problemas que temos… se estou triste, a música dá um alívio, não estamos sozinhos e penso que na crise – a Holanda também está em crise, como toda a Europa – precisamos de algo para “sair” dos problemas quotidianos". Mas isso é uma fuga?,digo eu. Não, é uma questão de trazer  a música para a sua vida "eu combino alguma coisa com os professores, para eles prepararem com os miúdos e às vezes digo-lhes: “não vos oiço! Podem por favor cantar mais alto?”: "

Exortai-vos cada dia uns aos outros, até ao dia que se chama «Hoje» (Hebr 3, 13). Exortai-vos cada dia uns aos outros, até ao dia que se chama «Hoje» (Hebr 3, 13).
27
Abr18

Coreias: pas de deux? Kim sabe!


Fátima Pinheiro

 

 

Espero bem que a cimeira das Coreia do Norte e Coreia do sul seja um "pas de deux", e que não seja apena um "pas de un". Tudo é possível. Mas é provável que seja o passo de um, Kim sabe! 

A desnuclearização é o principal ponto da agenda. "Uma história nova começa agora, no ponto de partida da história e de uma era de paz", escreveu Kim Jong-un no livro de honra colocado nas instalações onde decorrem as conversações. A ver vamos. 

O êxito da cimeira será determinante para a futura reunião entre a Coreia do Norte e os Estados Unidos, a primeira entre líderes destes dois Estados.

A cimeira entre Kim Jong-un e o Presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, deverá realizar-se entre final de maio e início de junho. Looking forward.

 

 Entretanto o tempo não pára. E hoje são mais 24   horas. As feridas causadas por tanto desnorte sangram segundo a segundo . E nós assistimos, num impasse impotente. Que desumanidade! Quem dá crédito a um insolvente? Kim sabe.

Exortai-vos cada dia uns aos outros, até ao dia que se chama «Hoje» (Hebr 3, 13). Exortai-vos cada dia uns aos outros, até ao dia que se chama «Hoje» (Hebr 3, 13).
26
Abr18

Quem goza com Marcelo?


Fátima Pinheiro

comadres.jpg

 

 

Ângela Silva, jornalista do Expresso, disse ontem na SIC que António Costa gozou com Marcelo. Comentando a intervenção do PR ontem na Assemleia da Repúbica, o Primeiro-Ministro fez questão de dizer ao jornalista que o interpelou, que Marcelo é de difícil compreensão. Que nem sempre se percebe o que quer dizer. Não é por nada mas interrogo- me uma vez mais sobre as boas relações institucionais. Sobre a política que se faz. Quem se interessa verdadeiramente pelo bem comum?

Se gozou ou não não é só problema dele. É um problema nosso, como é nosso Sócrates e Pinho, para referir os nomes mais falados nos últimos dias. É um problema recorrente a tal ponto que a prática de corrupção já assume a dimensão de banalidade. Quem é agora?

Este post é apenas a justa indignação de quem não se conforma com a forma como os destinos de Portugal são conduzidos. O 25 de Abril traz ao de cima uma vontade de justiça e de paz que não se compadece com jogos e comadres.

Exortai-vos cada dia uns aos outros, até ao dia que se chama «Hoje» (Hebr 3, 13). Exortai-vos cada dia uns aos outros, até ao dia que se chama «Hoje» (Hebr 3, 13).
25
Abr18

Quem mais ordenha?


Fátima Pinheiro

"

transferir (13).jpg

Não é o povo, não. As notícias têm sido pródigas em informar. Principalmente sobre a o operação marquês e suas congéneres. Discute-se o direito de informação, e as idiossincracias da justiça e da política e seus zelos. O superior interesse público. Uma ova! Haja decência. Quem não quer vêr não veja. Agora, quem é que nasceu ontem? Eu não. Então?

A vie en rouge de um ex-primeiro ministro será apenas a ponta do iceberg. Que belo apartamento em Paris!  Mas como se passa da Covilhã para um tecto ao lado da Torre Eiffel? À custa de um povo que lava no rio. É certo que não pode ser um bode expiatório, isto é, Sócrates há muitos e em toda a parte e em todos os partidos. Ele é até meu camarada e irmão. Como eu o compreendo...

E olho para os actos. A pessoa, essa, é sagrada. É meu amigo também! O Deus da minha vida, ama cada um de forma incondicional. Agora, um Sócrates é livre de voar. Não acredito num Deus Pai tirano criador de marionetes inimputáveis. E lá tinha que meter Deus na conversa! Mas não há posição mais razoável na vida se não se olhar para o horizonte. Para o horizonte que se abre a quem se interroga sobre o que anda aqui a fazer. Para quem não se contenta com uma vida e uma morte sem sentido. Para quem quer uma vida a sério, sem jogar às escondidas, ou brincar às efemérides, brincar ao 25 de Abri, hoje, agora.

A Sic fez bem, Ricardo Costa explicou-o ontem. Abrir a cortina presumindo a indecência. Atirem a primeira pedra. Ou foi pornografia? Há uma fome de verdade que é alérgica às meias tintas e aos cinismos. Já tenho mais de16 anos.

Viva o 25 de Abril, viva a Democracia, viva Portugal. Viva cada um em condições humanas e não passíveis da adulteração que é o resultaltado de quem mama descaradamente.

Chega de chorar. Vão roubar para a estrada ou o Diabo que vos carregue!

Exortai-vos cada dia uns aos outros, até ao dia que se chama «Hoje» (Hebr 3, 13). Exortai-vos cada dia uns aos outros, até ao dia que se chama «Hoje» (Hebr 3, 13).
24
Abr18

Rússia acolhe Cinema em Português


Fátima Pinheiro

isabel ruth.jpg Isabel Ruth em A Raiva

 

Serge Tréfaut esteve no Domingo em Moscovo, no festival Internacional de Cinema, com o fime A raiva. Ainda não vi o filme mas pelo trailer dá para pressentir qualquer coisa. De bom. Os actores são os da "família" dos filmes de Manoel de Oliveira. Só isto diz quase tudo. Para Tréfaut o cinema é também para pensar. É sair da vista curta. Neste periodo tão complexo de vistas curtas, não deixa de ser paradoxal a exibição desta obra de arte  na cidade de Putin.

O realizador brasileiro é conhecido pelo filrme Lisboetas, sobre os novos imigrantes na Lisboa de hoje, que recebeu o prémio de melhor filme português, no Indie 2004. Em 2011 estreou-se na ficção com Viagem a Portugal, que conta a história de uma médica ucraniana que chega a Portugal e é escrutinada no aeroporto de Faro, sendo obrigada a regressar ao seu país. Maria de Medeiros é Cinco Estrelas. E Isabel Ruth, que também entra em A raiva, um must. Duas senhoras da sétima arte

O cinema em português está de parabéns. Sugere que o mal não é para engolir e calar. A beleza salva mesmo. Nós é que nos distraímos facilmente.

 

Exortai-vos cada dia uns aos outros, até ao dia que se chama «Hoje» (Hebr 3, 13). Exortai-vos cada dia uns aos outros, até ao dia que se chama «Hoje» (Hebr 3, 13).
21
Abr18

Tive um AVC!


Fátima Pinheiro

                                                                                                                                 

como-reconhecer-avc-770x439_c.jpg

 

 

Tive um AVC! Incrível mas é verdade. Não foi por acaso, como não é por acaso, que ainda estou aqui. Podia ter ficado arrasada totalmente, mas não. Por enquanto ainda aqui estou. Agora nova. Uma segunda vida. Porquê? Para quê?

Quanto custa 4 semanas no Hospital dos Capuchos a ver o que vi? O que vi!!!!!  E agora é que Canto até que a voz me doa. Não podemos calar o que vimos. Cantarei. À borla. Uma lua de mel inesquecível.

A minha filosofia de vida provou-se verdadeira. O Rasante é transparente em relação ao que penso. Sou assim, vamos dizer, como o Papa Francisco, como BentoXVI, e S.João Paulo Il, e recuando de século em século, até Pedro, a Rocha. Ou seja, sem papas na língua, católica, apostólica, romana. Numa sociedade onde tudo vale tudo e nada vale nada, levei tempo a descobrir este lugar que me foi dado. Mas olhando para trás, vejo como fui conquistada. E agora, tendo por dentro e por fora o que me aconteceu, sei que importa sofrer. E importa também olhar para os outros, por dentro e por fora. Diante do mistério que cada um é. Um silêncio que grita por sentido. O mistério do mal que, apesar e através de tudo, não é a última palavra.

E agora? Agora é como sempre foi, vem o dia, vem a noite, vem a vida. E eu podia dizer que "não" mas digo sim. 

Perdem as politiquices, as corrupções. Quão ridículo o que move a sociedade.  Ai o Serviço Nacional de Saúde e os subsídios que Carlos César terá recebido! E as armas químicas!

Hoje chega. Mas voltarei para contar. Para não me esquecer. E para partilhar. Principalmente para retomar o dia com um coração que é mais que "eu", porque tem lá dentro o João, a Helena, a Isabel, a Emília, a Aidir, e os mais que compõem o ramalhete. Tudo conta. Mas há coisas que contam mais que outras.

O que move Francisco? Cristo, Deus encarnado, nascido da virgem Maria. Sem caracóis louros, carregou uma cruz , foi morto e ressuscitou. Não é passivel de interpretações. Vem com kit

completo. É pegar ou largar. Não me venham com piedososas intenções. Eu é mais bolos, isto é, Madres Teresas de Calcutá. A Patrícia , que eu não via há anos, está a chegar e traz o almoço. Que maravilha!

Exortai-vos cada dia uns aos outros, até ao dia que se chama «Hoje» (Hebr 3, 13). Exortai-vos cada dia uns aos outros, até ao dia que se chama «Hoje» (Hebr 3, 13).

Pesquisar

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Exortai-vos cada dia uns aos outros, até ao dia que se chama «Hoje» (Hebr 3, 13).

Comentários recentes

Arquivo

    1. 2018
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2017
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2016
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2015
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2014
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D