Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Rasante

De tudo um pouco. Cada manhã. Ao sair da pena, bem cedinho. Tudo me interessa.

Rasante

De tudo um pouco. Cada manhã. Ao sair da pena, bem cedinho. Tudo me interessa.

06
Fev15

A minha "Teoria de tudo"

Fátima Pinheiro

 imagem do filme "Para sempre Alice"/ tirada da net

 

Palavras e expressões. Cruzadas? Inúteis? Trocadas? Levadas pelo vento? Cruéis? Amantes? Gastas? Preciosas? Perdidas? Caladas? Punhais? Don´t come easyFechadas nelas ou a levar-nos longe? Sérias? Não se encontram, por vezes? Necessárias? Custam a engolir? Desentendem Delon e Dalida? Há homens delas? Estavam no Princípio? Sem elas nada se fez, nada se faz? Escusadas? Seja como for algumas tento não usar, assim como: "impossível", "a vida é difícil", "esquece". Então porquê? Tenho razões. E mais, sei que que de nada valem, se o que conta é realmente o que eles nos ajudam a intencionar. E sei que tudo valem, porque sem elas não sei como seria. Até o maior silêncio delas vive. Stephen Hawking (vejam o filme "A teoria de tudo", que estreou há pouco) com a doença que ainda hoje (com 72 anos) lhe fechou a boca, di-las com  um piscar de olho para o teclado e num olhar de encanto e de encantar.

 

"Imposível". Eu sei lá. Sou apenas metro do que posso medir. Ao cosmologista, com 25 anos diagnosticaram-lhe uma doença que lhe daria apenas 2 anos de vida.

 

"A vida é difícil". Depende de cada um, mas para mim seria díficil, por exemplo, fazer o pino ou fazer como o Ronaldo. A vida é, sim, complexa. Digam-me se é difícil eu, por exemplo, ter feito as minhas células e poder rir ou chorar? Ou fazer cada batida do meu coração? Sim , falo do canasto e do que que nele acontece.

 

"Esquece!". Basta ver o filme - ainda "quentinho" para mim -  "Para sempre Alice". Mas não preciso de ir aí. Quero saber. Digo: "não percebi!". A outra pessoa diz: "esquece!". Não esqueço. Eu quero saber. Doa o que doa. A que preço for. Tudo. Gerir o "momento"? Sim, é possível, é complexo (mas simples) e não esqueço -  muitas vezes sim, mas isso não é obstáculo e dou-me bem comigo. Levanto-me sempre. Não desisto de me entender a falar. 

 

 

 

Exortai-vos cada dia uns aos outros, até ao dia que se chama «Hoje» (Hebr 3, 13). Exortai-vos cada dia uns aos outros, até ao dia que se chama «Hoje» (Hebr 3, 13).

Mais sobre mim

foto do autor

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Pesquisar

Exortai-vos cada dia uns aos outros, até ao dia que se chama «Hoje» (Hebr 3, 13).

Links

imagens rasantes

Arquivo

    1. 2018
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2017
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2016
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2015
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2014
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D